Reino Unido: Parlamento rejeita eleição em 12 de dezembro

Após o anúncio do resultado, primeiro-ministro afirmou aos parlamentares que "de um jeito ou de outro, vamos ter outra eleição"

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson
Primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson -
Reino Unido - O Parlamento britânico rejeitou a proposta do governo do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, de convocar eleições gerais em 12 de dezembro. Foram 299 votos a favor da disputa eleitoral e 70 contra - o restante foram abstenções -, abaixo dos dois terços (434 votos) necessários.
A proposta de realizar eleições gerais em 12 de dezembro foi apresentada por Johnson com objetivo de evitar um novo adiamento da data de Brexit, que hoje foi transferida de 31 de outubro para janeiro, com consentimento da União Europeia (UE).

Após o anúncio do resultado, Johnson afirmou aos parlamentares que "de um jeito ou de outro, vamos ter outra eleição". O primeiro-ministro acrescentou, ainda, que "agora que um cenário sem acordo está descartado, temos um ótimo pacto", em referência ao entendimento firmado por ele com a UE.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários