Professora do jardim de infância faz aluno comer as próprias fezes na sala de aula

Ela foi colocada em suspensão imediata após o surgimento das acusações

Por IG - Último Segundo

Professora do jardim de infância faz aluno comer as próprias fezes na sala de aula
Professora do jardim de infância faz aluno comer as próprias fezes na sala de aula -
A professora Mamie Robson Aplon, de 67 anos, está sendo acusada de maus tratos na escola Few Primary, localizada na cidade de Jasper no Texas, nos Estados Unidos. A professora fez um garoto identificado apenas como EJ a comer fezes na sala de aula. 
A idosa foi presa nesta semana, após ser acusada de 'supressão oficial', crime em que um funcionário público maltrata uma vítima de forma intencional.
A criança teria sido forçada à comer suas próprias fezes no dia 25 de setembro, segundo os promotores que estão apurando o caso. 
O superintendente do distrito escolar em que Mamie lecionava, Steev Hyden, disse em um comunicado que a professora foi colocada em suspensão imediata após o surgimento das acusações. A escola informou ainda que se disponibilizou a cooperar com as investigações policiais sobre o caso. 
"A questão da segurança e bem-estar dos estudantes da Jasper é nossa principal prioridade", disse Hyden ao The Sun. A acusação alegou que a professora submeteu a criança aos maus-tratos mesmo sabendo que era ilegal.
Mamie Robson Aplon é filha do ex-prefeito da cidade de Jasper, RC Horn. Na última sexta-feira (1º) o juiz Mark Allen estabeleceu uma multa de U$ 10.000. Amigos e simpatizantes se uniram para apoiar a professora, apesar da acusação, afirmando que ela é amorosa com os alunos. 
A professora foi liberada sob fiança, mas pode pegar até um ano de prisão e uma multa de U$ 4.000, se for considerada culpado. 

Comentários