Professor é encontrado morto após ser atingido por cadeira atirada por aluno em sala de aula

A vítima morava em Bridgend, no País de Gales, e tinha três filhos. As causas da sua morte ainda não foram divulgadas

Por O Dia

Ysgol Bryn Castell, em Bryncethin, que tem 147 alunos, foi fechada durante esta segunda-feira, para investigações policiais
Ysgol Bryn Castell, em Bryncethin, que tem 147 alunos, foi fechada durante esta segunda-feira, para investigações policiais -
Rio - O professor assistente Lee Sims, de 31 anos, foi encontrado morto em casa no domingo após ter sido atingido por uma cadeira atirada por um aluno dentro da sala de aula.

A vítima morava em Bridgend, no País de Gales, e tinha três filhos. As causas da sua morte ainda não foram divulgadas. Segundo o jornal The Mirror, a escola onde dava aulas está fechada para investigações policiais.
O corpo foi encontrado no domingo em uma casa em Brackla, Bridgend, e um exame de corpo de delito será realizado mais tarde.

A escola Ysgol Bryn Castell tem 147 alunos. A instituição se descreve como uma escola especial para a comunidade, que fornece educação para alunos de sete a 19 anos de idade com necessidades educacionais especiais emocionais, sociais e comportamentais complexas.
Lee teria sido alvo de uma agressão por parte de um estudante, que lhe atirou uma cadeira na semana passada.
 
Seu corpo foi encontrado no domingo em uma casa em Brackla, Bridgend, e um exame post-mortem será realizado mais tarde.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários