Vista aérea da antiga capital imperial de Hue, tomada pelas enchentes no Vietnam - Hoang Anh / AFP
Vista aérea da antiga capital imperial de Hue, tomada pelas enchentes no VietnamHoang Anh / AFP
Por AFP
As enchentes no Vietnã deixaram pelo menos 18 mortos, mais de uma dúzia de desaparecidos e cerca de 46.000 desabrigados, informaram nesta segunda-feira (12) as autoridades do país.
A mídia oficial exibiu imagens de cidades inteiras submersas pelas enchentes nas províncias centrais de Quang Tri e Quang Nam, após chuvas torrenciais no fim de semana. A antiga capital imperial de Hue e a cidade turística de Hoi An também foram afetadas. No total, mais de 100.000 casas foram inundadas e cerca de 46.000 pessoas ficaram desabrigadas, anunciaram as autoridades.
Publicidade
Oito pescadores que foram arrastados pela violência do mar em Quang Tri foram resgatados em uma operação organizada pelo exército. No entanto, três pescadores morreram e outros três estão desaparecidos.
O país se prepara para uma nova tempestade acompanhada de fortes chuvas vindas do Mar da China. Durante a estação chuvosa, entre junho e novembro, o Vietnã costuma enfrentar condições climáticas muito difíceis. As províncias da costa central são as mais vulneráveis. No ano passado, 132 pessoas morreram ou desapareceram em decorrência de desastres naturais no Vietnã, segundo dados do escritório geral de estatísticas.