Atentado aconteceu na cidade de Quebec - Reprodução/Twitter @iciquebec
Atentado aconteceu na cidade de QuebecReprodução/Twitter @iciquebec
Por AFP
O homem de 24 anos que matou duas pessoas com uma arma branca e feriu outras cinco no sábado à noite no centro histórico de Quebec queria "fazer o maior número de vítimas possível", mas não está associado a um grupo terrorista, afirmou a polícia neste domingo.

"Ontem vivemos uma noite de horror quando um homem de 24 anos, que não mora em Quebec, veio até aqui com a intenção de causar o maior número de vítimas possível", afirmou o chefe de polícia de Quebec, Robert Pigeon.

Ele afirmou que o agressor, armado com uma espada japonesa e que vestia roupas medievais, "escolheu as vítimas ao acaso".