Steve Bannon - AFP
Steve BannonAFP
Por O Dia
Publicado 06/11/2020 10:41 | Atualizado 06/11/2020 10:44
Washington - O estrategista-chefe da campanha de Donald Trump em 2016, Steve Bannon, teve a sua conta banida permanentemente do Twitter nesta quinta-feira, após dizer que decapitaria o principal especialista em pandemia do governo, Dr. Anthony Fauci, assim como o diretor do FBI, Christopher Wray, como um "aviso". "Eu colocaria suas cabeças nos dois cantos da Casa Branca, como um aviso", disse, ao defender o governo Trump. 
"É assim que nós queremos a revolução", continuou. "A revolução (dos Estados Unidos) não foi uma espécie de festa no jardim, certo? Foi uma guerra civil", concluiu. 
Publicidade
As declarações foram feitas no seu canal “Steve Bannon’s War Room” nesta quarta-feira. O YouTube ainda mantém o canal no ar, mas derrubou o vídeo em questão. 
Publicidade