Forças Armadas tranquilizam poderes Executivo, Legislativo e Judiciário

Na via oposta do grito das estradas, os oficiais seguem em defesa da 'normalidade' e 'diálogo'

Por LEANDRO MAZZINI

Brasília - Enquanto baderneiros infiltrados na greve dos caminhoneiros arrebentam motoristas no braço e defendem a intervenção militar, comandantes das Forças Armadas tranquilizam os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, dando sinais de que acompanham com atenção o cenário, mas sem concordar com a demanda.

Na via oposta do grito das estradas, os oficiais seguem em defesa da "normalidade" e "diálogo". Desde o início da greve, o comandante do Exército, General Eduardo Villas Bôas, se encontrou com políticos e ministros do STF, e reafirmou que "o bem-estar social" deve ser preservado.

Recuo

Outrora defensor da intervenção, o general Hamilton Mourão criticou os infiltrados: "pessoal tem que entender que vivemos num mundo mais complexo que o de 1964".

Geni

Chico Buarque fez doação em dinheiro para a Vigília Lula Livre, que o PT mantém perto da sede da PF em Curitiba, onde o ex-presidente está preso.

A banda

Outros artistas e intelectuais também contribuíram. No caso de Chico, Emídio de Souza, que controla finanças do PT, não revela o valor doado pelo compositor amigo do Barba.

Preço do gênero

Partidos pretendem recorrer no TSE da decisão de destinar 30% do fundo partidário para campanhas exclusivamente de candidatas. Não bastasse o saldo 'pequeno' - em relação a outras campanhas, com doações - para cobrir os custos de todos os candidatos, a grande maioria das legendas nem atinge a cota de lançar mulheres, estipulada por lei.

Tela quente

De Benedita da Silva, que visitou Lula na cadeia na terça, para amiga da Coluna: o ex-presidente acompanha os acontecimentos no País pela televisão instalada no quartinho da PF. Ele "é muito organizado" e "mantém o ambiente limpo e arrumado".

De 'cabeceira'

Lula está lendo o livro do historiador israelense Yuval Harari, um dos escritores preferidos de Obama e Bill Gates. Harari é vegano e militante das causas gays

Calero na pista

Marcelo Calero, ex-ministro da Cultura, espera o voto da classe artística para se eleger. Lançou sua pré-candidatura a deputado federal pelo PPS no Copa Praia Hotel, com a participação do educador Carlos Serpa, do anfitrião Aloysito Teixeira e de artistas.

Botafoguense sofre

Um brasiliense que ganhou uma camisa do Botafogo da Netshoes não recebeu o presente pelos Correios até hoje. Foi postada dia 25 de abril em Cajamar (SP). E bem antes da greve dos caminhoneiros.

Livres, cá e lá

O movimento suprapartidário Livres agora integra a Atlas Network, rede de quase 500 organizações liberais em 90 países. Terá acesso a treinamento, participação em eventos internacionais e a recursos para projetos, como o Think Tank Startup Fund.

Sorriso olímpico

A Autoridade de Governança do Legado Olímpico (AGLO) firmou parceria com a UFRJ para oferecer orientações de saúde bucal ao público que prestigiar os próximos quatro eventos realizados nas arenas olímpicas.

Boa da semana

Sábado tem campeonato estadual de tênis de mesa, e domingo jogo da Liga Super Basketball. O projeto é desenvolvido por alunos de odontologia da universidade.

Ponto Final

Cenário da crise no País hoje é a soma de um Governo incompetente e impopular com o oportunismo da oposição que aposta em terra atrasada para se dar bem na eleição. Acorda, povo!

Comentários