Falta de articulação política do Palácio e atraso no envio de reformas deixam mercado tenso

Outras matérias enviadas pelo governo ao Congresso, apoiadas pelo mercado financeiro, tramitam em ritmo lento

Por Leandro Mazzini

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia
Presidente da Câmara, Rodrigo Maia -
Brasília - Além da tensão provocada pelo avanço do novo coronavírus, a instabilidade na articulação política do Palácio e o atraso no envio de reformas – administrativa e tributária – arrefeceram o otimismo dos investidores. Não bastasse isso, outras matérias enviadas pelo governo ao Congresso – apoiadas pelo mercado financeiro – tramitam em ritmo lento. A PEC Emergencial, elaborada pela equipe econômica para conter o crescimento das despesas obrigatórias do Governo, esbarra no calendário da Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Serão realizadas três audiências públicas antes de o relator, senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR), ler seu parecer.

Seu bolso

Os setores de automóveis, eletrônicos e eletrodomésticos no Brasil começam a sentir os efeitos do coronavírus na China, onde se concentra hoje a maior produção mundial.

Marketing do covid

Espetáculo no aeroporto de Brasília: a administração colocou cinco maleiros, de máscara, de prontidão no portão de embarque. E só. É a fiscalização ‘no olho’.

Prévia das ruas

Rodrigo Maia apareceu citado em 19 mil citações na hashtags #maiagolpista no Twitter nos últimos dias. Já a expressão #euapoiobolsonaro ultrapassou 25 mil citações.

Jucá eterno

O acordo inédito entre os Poderes Executivo e Legislativo de repartir o valor das emendas parlamentares (R$ 30 bilhões esperados para este ano) mostra o quão poderoso foi o então senador Romero Jucá (MDB-RR), que por muitos anos – e pelo menos uns três Governos anteriores – foi relator do Orçamento na Comissão Mista do Congresso. Jucá foi o rei do beija mão e o homem mais poderoso de Brasília no período em que, de suas mãos, saíam as decisões de direcionar bilhões de reais para projetos.

Sempre eles

A despeito da relatoria deste ano para o deputado Domingos Neto (PSD-CE), a sombra de Jucá está ‘presente’ na comissão de Orçamento. Está na presidência da comissão para o senador Marcelo de Castro (MDB-PI). Ele é a figura representativa ali do grupo de Jucá e Michel Temer no Congresso, de olho no deputado relator.

Olhar pra frente..?

A lei de prisão imediata para condenados em segunda instância só passa no Congresso se não “olhar para trás”. É o recado de bancadas do centro-esquerda, como a do PT. O ex-presidente Lula da Silva escaparia da prisão neste caso.

Eleição no MT

Candidato ao Senado na eleição suplementar do Mato Grosso, o ex-deputado Nilson Leitão (PSDB) articula apoios fora de gabinetes. Há dias estava aos cochichos numa cafeteria de Brasília com o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho

Bolsa Delator

O Instituto dos Advogados Brasileiros se posicionou contra o PL 3.165/2015, de autoria do deputado federal licenciado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que prevê pagamento em dinheiro para delatores de crimes (de corrupção, em especial). “É mais um instituto para recompensar a ação de alcaguetas, agora sob a promessa de gratificação monetária”, diz o criminalista Antonio Claudio Mariz de Oliveira.

Acidez

O deputado Fausto Pinato (Progressistas-SP) protocolou, em nome da Frente Parlamentar da Indústria Brasileira de Bebidas, nota de repúdio contra o Governo. Na véspera de Carnaval, o Planalto publicou o decreto 10.254 que beneficia em isenções a Coca-Cola e Ambev na Zona Franca de Manaus. Diz que esses grupos fazem o País perder R$ 7 bilhões em arrecadação (segundo ele, dados da Receita Federal).

Los Paraguaios

Os números dos passaportes não batem com o registro no departamento. Mas a Polícia Nacional do Paraguai quer entender mesmo como o ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e o irmão Assis, seu empresário, têm carteiras de identidade do país hermano.

Coronavírus & mercado

Empresários brasileiros estão preocupados. A Bolsa de Turismo de Lisboa adiou o seu conhecido evento para 27 a 31 de maio. A TAP cancelou mais de mil voos em vários países ontem.

ESPLANADEIRA

# A Psicóloga Beatriz Moura criou projeto de surf para meninas em Saquarema, região dos Lagos no Rio de Janeiro. Apenas 19% das mulheres praticam o esporte.

Comentários