Rafael Vitti fala sobre viver protagonista de 'Verão 90'

Próxima novela das sete, da Globo, estreia dia 29 de janeiro

Por Gabriel Sobreira

João (Rafael Vitti)
João (Rafael Vitti) -

Rio - Quando criança, João Guerreiro (João Bravo/Rafael Vitti) fez sucesso arrebatador ao lado do irmão dele, Jerônimo (Diogo Caruso/Jesuíta Barbosa), e Manuzita (Melissa Nóbrega/Isabelle Drummond), a menina mais amada do Brasil em 'Verão 90', novela das 19h, que estreia dia 29 de janeiro, na Globo. O trio formava a Patotinha Mágica, que virou sinônimo de sucesso e mania nacional. Mas os anos de fama e reconhecimento ficaram no passado, assim como o término do grupo em meados da década de 80.

ANOS 1990

Os anos se passaram e, em 1990, João é universitário, surfista e comanda um programa de rádio para o público jovem. "Ele é um cara da praia, solar, gente boa pra caramba, preocupado com as pessoas. Tem esse lado do mocinho, de se pautar pela verdade, mas ele não é bobo", defende Vitti.

REENCONTRO

Já Manuzita (Isabelle Drummond), uma aspirante a atriz com pouquíssimo talento, segue em busca de trabalho. Desde a infância, uma grande afinidade une Manuzita e João. Isso sempre incomodou Jerônimo (Jesuíta Barbosa). Ele alimenta inveja e rivalidade contra o irmão e nunca abandonou o desejo de ser famoso novamente. De caráter duvidoso, Jerônimo vai lutar para reviver os dias de glória.

Com o reencontro do trio, sentimentos que estavam adormecidos voltam à tona. O que vai revelar que os anos de afastamento do casal, Manuzita e João, não foram suficientes para apagar o amor e afinidade entre eles.

"Eles (João e Jerônimo) têm um atrito desde sempre porque pensam de maneira diferente. Acho que esse é o conflito deles. Não é tanto uma questão de ciumes, mas de pensamentos divergentes", esclarece o mocinho da história de Izabel de Oliveira e Paula Amaral. Os caminhos de João, Manuzita e Jerônimo vão se cruzar novamente.

SOLAR

Carioca de 23 anos, Rafael se identifica bastante com o personagem, cuja canção-tema será 'Menino do Rio', de Caetano Veloso. "Amo essa música, amo Caetano. Foi muito legal saber que essa música seria tema do meu personagem. E eu já me sinto um pouco menino do Rio, a minha vida ela já é envolta por esse universo da praia, do sol, eu realmente vivo na praia. Acho que tem tudo a ver com o clima, com a minha energia, que não consigo ficar parado. Tenho dificuldade (até) de terminar pensamento", brinca, aos risos.

Comentários

Últimas de Diversão