Rick Ferreira homenageia Raul Seixas no Blue Note

O guitarrista e "fiel escudeiro" do roqueiro apresenta neste sábado clássicos como 'Trem das Sete' e 'Canceriano Sem Lar'

Por RICARDO SCHOTT

Rick Ferreira apresenta o show '30 Anos Sem Raul'
Rick Ferreira apresenta o show '30 Anos Sem Raul' -

Neste ano, Raul Seixas (1945-1989) completa 30 anos de morte. Rick Ferreira, guitarrista e "fiel escudeiro" do cantor (imortalizado no grito "larga, Rick!" do hit 'Quando Acabar o Maluco Sou Eu') homenageia o amigo no show '30 Anos Sem Raul' neste sábado no Blue Note. Acompanhado do cantor Emerson Ribber, Rick traz de volta os grandes riffs e solos de gravou com o roqueiro baiano. E mesmo ocupado com as seis cordas, também solta a voz em alguns momentos. 

Rick Ferreira faz show em homenagem a Raul Seixas - Divulgação

"Canto justamente 'Quando Acabar...' e 'Canceriano Sem Lar'. O Marcio Saraiva, baterista, canta 'Tente Outra Vez'. E ainda vou ter o prazer de receber a Danni Carlos, de quem produzi discos. Ela vai tocar gaita e cantar em 'Canceriano' e também canta 'Trem das Sete'", anuncia Rick, que tocou com Raul a partir do disco 'Gita', de 1974.

"Os fãs vão ficar satisfeitos com o repertório. Claro que tem fã que reclama: 'Pô, você não tocou aquela...'. Mas o Raul tem 400 músicas gravadas. De qualquer jeito, acho que fiz uma boa escolha. O cara vai sair do show com a alma lavada, com uma boa dose de Raul", brinca.

CRIANÇAS DE RAUL

O contato com os fãs de Raul, por sinal, sempre rende situações emocionantes.

"Raul tem fãs crianças! Fãs de 7, 8 anos que cantam todas as músicas. Nem sei explicar o que é isso. Comparo um pouco com a obra dos Beatles, que tem fãs que nem sonhavam em nascer quando a banda terminou. Ele só não ganhou o mundo, que era o sonho dele", afirma Rick, que tem feito vários shows 'Baú do Raul' pelo Brasil.

"Tem fãs dele que se emocionam muito quando chegam perto de mim. Acho que porque eles consideram que sou o mais próximo que vão se aproximar do Raul", afirma.

DO ROCK A MPB

Além de Raul, Rick tocou vários anos com Erasmo Carlos e com Zé Ramalho. Também tocou com Belchior (suas participações estão no clássico disco 'Alucinação', de 1976) e até com nomes mais ligados à MPB formal, como Simone. Rick tem na carreira também um single solo, de 1974 (com 'Retalhos e Remendos') e o álbum 'Porta das Maravilhas', de 1977.

PROJETOS

Para 2019, Rick programou o lançamento de sua biografia, além de mais shows e de um disco instrumental. "Esse disco é a história da minha vida. É na onda de uma das minhas grandes influências, que são os Shadows (banda de surf music)", afirma. "Para mim, lembrar do Raul nunca é um momento triste. É uma alegria homenagear meu amigo. Que era um genial artista", completa Rick, que sonha em levar o show '30 Anos Sem Raul' para o Rock In Rio.

O show de Rick é sábado, às 22h30, no Blue Note. Avenida Borges de Medeiros 1.424, Lagoa.

Galeria de Fotos

Rick Ferreira apresenta o show '30 Anos Sem Raul' Divulgação
Rick Ferreira faz show em homenagem a Raul Seixas Divulgação
Rick Ferreira faz show em homenagem a Raul Seixas Divulgação

Comentários