Brasil concorre ao Oscar 2020 com 'Democracia em Vertigem'

Documentário de Petra Costa é inspirado no processo de impeachment de Dilma Rousseff e na crise política

Por Juliana Pimenta

Cena do documentário 'Democracia em Vertigem'
Cena do documentário 'Democracia em Vertigem' -

Rio - Inspirado no processo de impeachment de Dilma Rousseff e na crise política no Brasil, o documentário 'Democracia em Vertigem', de Petra Costa, é a aposta brasileira no Oscar 2020. A produção, lançada em 2019 pela Netflix, concorre com demais filmes estrangeiros na categoria 'Melhor Documentário de Longa-Metragem'.

Pelas redes sociais, a diretora comemorou a nomeação ao prêmio que acontece no dia 9 de fevereiro. "Estamos absolutamente emocionados e extasiados por nossos colegas terem reconhecido a urgência deste filme, e honrados por estarmos na companhia de documentários tão importantes", disse a jovem mineira que, narra os fatos políticos através da sua própria perspectiva social.

Outro concorrente

Apesar de não ser indicado como diretor, o cineasta Fernando Meirelles também estará presente na cerimônia. Sua última produção, o longa 'Dois Papas', que também foi lançado pela Netflix, recebeu três indicações ao Oscar 2020.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários