Familiares se desculpam por comentários de Maycon dentro do confinamento

Falas do participante foi considerada preconceituosa por vários telespectadores

Por O Dia

Maycon
Maycon -

Rio - Os familiares de Maycon Santos usaram as redes sociais para pedirem desculpas pelos comentários feito pelo brother sobre a religião de outros participantes do reality. De acordo com um comunicado publicado no Stories do Instagram do vendedor de queijos, a falta de instrução teria motivado as falas consideradas preconceituosos por vários telespectadores.

LEIA MAIS: De agressão a sexo - relembre as polêmicas do Big Brother Brasil  

"Nós da equipe do Maycon viemos nos desculpar publicamente por alguém que de alguma forma tenha se sentido desrespeitado pelos comentários feitos por ele devido a sua falta de instrução e conhecimento. Após sua participação no reality, ele mesmo virá a público se desculpar e terá a oportunidade de aprender mais sobre o assunto. Agradecemos o carinho de cada um", diz a nota. 

Na última segunda-feira, a Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância do Rio de Janeiro informou que abriu um inquérito para investigar alguns participantes do reality pelo crime de intolerância religiosa. Em nota, a TV Globo afirmou que a emissora ainda não foi notificada sobre a investigação. "É importante pontuar que a Globo respeita a diversidade, a liberdade de expressão e repudia com veemência qualquer tipo de intolerância e preconceito, em todas as suas formas. Desta forma, é importante reiterar que qualquer manifestação pessoal, equivocada ou não, feita pelos participantes do programa, não reflete o posicionamento da emissora", informou a emissora. 

Entenda o caso

Os comentários de Maycon ganharam mais repercussão após a festa realizada no último sábado (9). Durante a confraternização, em um determinado momento, o brother se isolou e disse ter sentido arrepios ao ver Gabriela e Rodrigo, ambos negros, interpretando músicas que classificou como “esquisitas”. Uma das canções em questão é “Identidade”, de Jorge Aragão. 

Ao ver os dois participantes juntos na pista de dança, Maycon foi para dentro da casa e disse a Diego que não queria voltar para a festa: “Tá o Rodrigo e a Gabi lá… com umas músicas muito estranhas”.

Mais tarde, ao voltar para festa, Maycon continuou o papo e afirmou ter ouvido vozes ao ver a cena de Rodrigo e Gabi. “Escutei: Não faça igual eles’. Aí veio Jesus Cristo na minha mente e, tipo assim, para a vida, não aqui, para a vida inteira… se você fazer [sic] igual eles, eles ganha [sic] mais força”, disse.

As falas do brother revoltaram os internautas que subiram a hashtag #BastaDeRacismoNoBBB, assunto que chegou ao topo do Trending Topics do Twitter entre usuários da rede no Brasil.

Já na madrugada de segunda-feira (11), Maycon, Paula e Hariany voltaram a criticar as religiões de matriz africana. Desta vez, os brothers insinuaram que Rodrigo e Gabriela estariam fazendo “trabalhos” espirituais para prejudicar outros participantes.

Maycon iniciou a conversa falando sobre a noite anterior, quando disse ter sentido arrepios ao ver Gabi e Rodrigo dançando. Ele disse que respeita as religiões, mas que tem medo. “Respeito esses negócios de religião, mas tenho medo desses negócios. Eles falam de Oxum, essas coisas”.

 

Galeria de Fotos

Maycon Reprodução TV
Maycon atendeu o Big Fone e indicou Hariany ao paredão Reprodução
'Big Brother Brasil' Globo/Divulgação
Familiares se desculpam por comentários de Maycon durante o reality Reprodução Instagram
Maycon Reprodução TV

Comentários