Tia Surica é afastada da feijoada da Portela

Matriarca fala do amor pela escola e da alegria de servir o seu famoso feijão na Feijoada da Família Portelense

Por Rodrigo Texeira

Tia Surica
Tia Surica -
Rio - "Nada é eterno", foi com essa triste afirmação que o mundo do samba foi pego de surpresa na tarde desta sexta-feira, quando Tia Surica anunciou seu afastamento da Feijoada da escola de samba Portela ao blog QueIssoGordinho. A informação foi obtida em conversa com a matriarca, baluarte e figura ícone da azul e branco de Madureira, que contou como tudo ocorreu.
"Me chamaram para uma reunião e disseram que a feijoada não é minha. Fazer o quê? A gente não é eterno. Nada é eterno. Quero saber o motivo. A nova direção da escola disse estar sem condições de bancar a feijoada. Eu vivo para a Portela e não vivo dela. Não teve falta de respeito, boicote, não fiquei chateada. Continuo sendo Portela. Tenho grande carinho por todos, mas não quis, não quis, né? Eu continuo e não tenho nada contra eles. Se me chamarem de volta, volto à servi-los", diz Tia Surica, que não comanda mais a Feijoada Família Portelense.
Outro lado
A reportagem do QueIssoGordinho entrou em contato com a escola de Madureira e uma resposta oficial sobre o caso nos foi enviada. Quem assina a nota, por meio da assessoria de imprensa da agremiação, é o presidente da Portela, Luis Carlos Magalhães, que afirma que Tia Surica "nunca vai ser afastada de nada".  
"Ela é nossa matriarca, pastora da Velha Guarda Show, baluarte, membro do Conselho Deliberativo e presidente de ala. O que está havendo está absolutamente inserido no contexto da crise econômica do carnaval e da crise brasileira. É uma crise de mercado. O fornecedor dos insumos da feijoada (uma grande rede de supermercados) saiu dessa história e deixou de contribuir com a nossa feijoada e de outras escolas também. E aí tornou a feijoada com esse formato inviável. Tia Surica foi chamada para uma reunião, informada sobre a situação e, juntamente com a diretoria, encontrou-se um novo formato viável para a feijoada, que é o evento mais importante promovido pela escola desde 2003", diz o comunicado.