Matheus Carrilho e Pepita participam de live que arrecada doações para comunidade LGBTQI+

Donativos ajudarão membros da comunidade LGBTQIA+ que se encontram em situação vulnerável diante da crise do COVID-19

Por O Dia

Matheus Carrilho e Pepita
Matheus Carrilho e Pepita -
São Paulo - No próximo domingo (05) acontece a Live Parada Solidariedade, um projeto com 6 horas de duração promovido pela Associação da Parada do Orgulho LGBT+. Com veiculação no canal do Youtube da Parada, a live contará com a presença de personalidades LGBTQIA+ e artistas como Mateus Carrilho, Pepita, Dimmy Kieer e muitos outros.
O evento terá como objetivo arrecadar fundos para o movimento criado pela Associação da Parada LGBT+ de São Paulo, o “Parada Solidariedade”, que oferece auxílio aos membros da comunidade LGBTQIA+ que se encontram em situação vulnerável diante da crise do COVID-19.
O projeto foi idealizado pelo produtor cultural Heitor Werneck em conjunto com Renato Viterbo, vice-presidente da Parada LGBT de São Paulo – essa considerada a maior do mundo. A iniciativa que dá continuidade ao Mês do Orgulho busca arrecadar fundos, compartilhar informações e também levar entretenimento para o público. “Esse trabalho será mais um ato de conscientização de que a Diversidade agrega muito para construímos um mundo melhor”, comenta o vice-presidente da Parada.


Viabilizando a ação, a ParadaSP cedeu o espaço de sua sede exclusivamente para o assistencialismo, e diariamente, com o apoio de pessoas físicas e empresas, ajuda a população com cestas básicas, kits de higiene e limpeza, cobertores e roupas. São cerca de 300 pessoas cadastradas na Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. “A live Parada Solidariedade potencializará as ações promovidas pela associação. Queremos promover e contagiar a todos com uma corrente do bem”, complementa Viterbo.

Comentários