Gracyanne Barbosa - Divulgação
Gracyanne BarbosaDivulgação
Por O Dia
Publicado 05/11/2020 09:00 | Atualizado 07/11/2020 07:24
Rio - Gracyanne Barbosa não ficou calada diante do caso Mariana Ferrer. Assim como outras famosas, nesta quarta-feira, a modelo pediu maior liberdade de expressão para o corpo feminino, além de condenar o assédio e a cultura do estupro em vídeo postado no Instagram.
Publicidade
"Estou desde ontem, buscando palavras para falar sobre tamanho absurdo, esse que fizeram e estão fazendo com a Mari Ferrer. O pedido de justiça é um grito dela, meu, seu e de todas as pessoas do bem, que estou vendo, ser contra essa monstruosidade! O choro e real, de dor, humilhação e injustiça", começou.
Ela ainda comentou sobre a postagem de fotos e vídeos mais sensuais, enfatizando o pedido por liberdade. "Fotos e vídeos sensuais, tenho, gosto, posto e continuarei! Mas nenhum deles são convites para o sexo. O que aconteceu com a Mari, acontece com muitas mulheres, que na maioria das vezes se calam por medo! Medo do agressor, da injustiça e daqueles que deviam proteger e lutar pelas mulheres", concluiu.
Publicidade
Gracyanne, que tem 8,8 milhões de seguidores no Instagram, recebeu apoio nos comentários. "Deus te abençoe muito. Você é luz", comentou uma seguidora. "Concordo com você Gracianne", disse um segundo. "O mundo é cruel. E para as mulheres o perigo é dobrado!", desabafou outra.
Publicidade