Mais Lidas

Brasileiro está entre mortos em presídio na Bolívia

Ele fazia parte da segurança de um perigoso criminoso que mantinha o controle do centro carcerário

Por O Dia

Bolívia - O governo boliviano revelou, nesta quinta-feira, que entre os oito mortos durante uma operação policial no presídio de Palmasola, está um brasileiro, que não teve sua identidade revelada. O incidente aconteceu durante uma ação da polícia para tomar o controle da prisão, na quarta.

As autoridades informaram que entre os mortos há também um paraguaio. Ele e o brasileiro faziam parte do corpo de segurança de um perigoso detido que mantinha o controle do centro carcerário. Entre os presos feridos, também há um brasileiro, um equatoriano, um paraguaio e um colombiano.

O governo realizou a operação policial para tomar o controle de Palmasola, argumentando que havia "um completo desgoverno".

Além dos mortos, mais de 20 pessoas ficaram feridas, entre presidiários e policiais, por disparos de armas de fogo e golpes.

Igreja pede esclarecimentos

Palmasola mantinha aproximadamente 4 mil internos, enquanto a polícia realocava réus perigosos e conflitivos a outras prisões.

A Igreja católica pediu esclarecimento pela morte de réus. "As mortes e a dor que puderam ser evitadas clamam que se estabeleçam responsabilidades e sanções justas e imediatas".

A Defensoria Pública abriu, separadamente, uma investigação e revelou que alertou sobre a presença de armas no presídio e pediu que se proteja a vida das pessoas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia