#FORÇA.

Por

Novos números só compravam o drama da UERJ. O Fundo Estadual de Combate à Pobreza e às Desigualdades Sociais reservou, até julho, R$ 36 milhões para o ensino, pesquisa e extensão da instituição. É uma queda de 34% na comparação com os R$ 54 milhões em mesmo período de 2016.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia