PCdoB de Flávio Dino cria grêmios estudantis às vésperas da campanha eleitoral

Para a oposição, conota formação de comitês políticos disfarçados nas escolas públicas

Por LEANDRO MAZZINI

Brasília - O PCdoB de Flávio Dino, governador do Maranhão que tentará a reeleição, começou a criar grêmios estudantis às vésperas da campanha eleitoral, usando a estrutura da Secretaria de Educação. Para o Governo, apenas uma forma tradicional no país de dar voz à garotada.

Para a oposição, conota formação de comitês políticos disfarçados nas escolas públicas. A turma que tem aparecido nas reuniões é alinhada à ideologia da esquerda. Houve encontrão de 500 jovens de todo o estado entre os dias 19 e 22 na capital São Luís, com hospedagens pagas pelo Estado.

Banca do tráfico

Serviços de inteligência de PMs de alguns estados já identificaram algo tão ruim quanto o tráfico de drogas: os bandidos estão bancando a faculdade de Direito da garotada.

Excelência 1

Dois transexuais surgiram à porta do deputado José Otávio Germano (PP) em Porto Alegre na sexta para cobrar por um suposto programa. Ele não desceu, mas pagou.

Excelência 2

Tem político nem aí para base em ano de eleição. O senador Zezé Perrella (MDB-MG) estava com duas beldades sábado na Pink Elephant de Brasília se soltando na pista.

Gargalo turístico

O ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, reafirmou que o Brasil é um dos piores países do mundo para o empreendimento ao lamentar que grande parte do potencial nacional de desenvolvimento do setor é 'desperdiçado'. A fala foi durante o 13º Festival das Cataratas, em Foz do Iguaçu.

Lei travada

"O turismo é uma megaindústria que precisamos solidificar e avançar", frisou o ministro. Enquanto o país 'desperdiça oportunidades', como pontuou, permanece travada no plenário da Câmara a Nova Lei Geral do Turismo (PL 2724/2015). Apesar de tramitar em regime de urgência, os deputados adiaram a votação.

Embratur

O texto do projeto, que se arrasta há três anos, prevê a transformação da Embratur em Agência Brasileira de Promoção (com mais autonomia) e permitirá a abertura das empresas aéreas ao capital estrangeiro, entre outras iniciativas. Estimativas do Ministério do Turismo apontam que as mudanças na legislação poderão ampliar a receita cambial do turismo dos atuais US$6,6 bilhões para US$19 bilhões.

Perna de pau

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) deu entrada na Gastroclínica de Fortaleza sábado à tarde. Explicou que jogava bola com o filho quando sofreu pequeno acidente. Após o susto de engessar o pé, saiu ileso para retomar viagens.

Geraldo rastapé

Pouco votado no Nordeste em 2006, o tucano Geraldo Alckmin visitou sábado Caruaru (PE) para o São João. Comeu cuscuz com bode no pátio do forró, ponto alto da festa junina. Coletou dados sobre ações para o Agreste de Pernambuco.

Aldo quieto

O presidenciável Aldo Rebelo (Solidariedade) se mexe discreto no cenário. Passou os últimos dias no Rio de Janeiro. Gravou entrevista, almoçou com empresários e participou de plenária conjunta do sindicato patronal com o sindicato dos trabalhadores do setor de combustíveis, sobre o polêmico aumento do preço na bomba.

Self-bomba

Assunto curioso tomou a pauta. Os sindicalistas estão preocupados com o emprego. Donos de postos preparam modelo similar ao norte-americano: você abastece seu próprio carro, sem precisar de frentista. Há um Projeto de Lei em tramitação. "Isto é praticado nos Estados Unidos, mas aqui a situação é outra!", declarou Aldo.

Currículo

Esse candidato do Novo ao Governo do Rio, Marcelo Trindade, já tem história para contar. Ele derrotou o poderoso Abílio Diniz no Pão de Açúcar - vendido para os franceses - num litígio com sócios. Trindade foi advogado do grupo Casino.

Na orla

Não por acaso, Trindade faz escola em pequenas situações. Ontem, durante caminhada no Leblon, incentivou o ambulante Renato Silva, 40 anos, a seguir o grupo por 3 km. O vendedor zerou o estoque de refresco de mate.

Comentários