Plebe Rude e Zero mostram sucessos e novidades no Circo Voador

Apresentação acontece neste sábado

Por RICARDO SCHOTT

Plebe Rude divide palco com Zero e lança disco no Circo, 'Primórdios' -

Rio - Amanhã tem rock nacional clássico dos anos 1980 no Circo Voador. A Plebe Rude traz seu som de Brasília para o Rio e lança um disco histórico, 'Primórdios'. O Zero, banda formada por um carioca (o cantor Guilherme Isnard) quando de suas andanças por São Paulo nos anos 1980, abre a noite. Que ainda tem outra lenda da época no comando: o DJ José Roberto Mahr, do antigo programa 'Novas Tendências', da fase roqueira da Fluminense FM.

'Primórdios' traz músicas compostas no comecinho da Plebe Rude, entre os anos 1981 e 1983, e teve seu repertório decidido a partir de pesquisas com jornalistas brasilienses. O álbum foi gravado ao vivo e ainda inclui canções novas. O projeto é um passo para o lançamento de um livro do vocalista e guitarrista Philippe Seabra com suas lembranças do período. Na formação estão ainda o cofundador André X (baixo), Clemente Nascimento (também Inocentes, voz e guitarra) e Marcelo Capucci (bateria).

O Zero ou ZERØ, como estilizam era colega de gravadora da Plebe nos anos 1980 e traz de volta o repertório de discos como 'Passos no Escuro' (1986), além de inéditas. 'Agora Eu Sei', 'Quimeras' e outros clássicos do pós-punk brasuca estão lá.

Serviço

CIRCO VOADOR. Arcos da Lapa s/nº, Lapa (2533-0354). Amanhã, às 22h. R$ 80 a R$ 100 (estudantes e maiores de 65 anos pagam meia-entrada).

Comentários

Últimas de Diversão