mel lisboa - Divulgação/ Space
mel lisboaDivulgação/ Space
Por RODRIGO TEIXEIRA

Mel Lisboa retorna à TV com força total. A atriz estava afastada desde o ano passado, quando decidiu não renovar contrato com a Record TV. Mel está de volta em um papel polêmico, a Gringa, de 'Pacto de Sangue', nova série do canal a cabo Space, exibida toda segunda-feira, às 22h30.

"'Pacto de Sangue' tem tudo o que a gente gosta em série, roteiro bem amarrado e muita ação. Ela te deixa curioso. Para mim, um trabalho inusitado e completamente diferente de tudo o que eu já fiz", diz a atriz.

Gringa é chefe de uma rede de tráfico de drogas e mulheres. A misteriosa personagem tem papel de destaque na nova atração. Sobre o convite para o novo trabalho, Mel conta: "Entraram em contato. E aí eu li a sinopse da série e achei interessante. Fiquei impressionada. Me estimulou a querer conhecer".

A série protagonizada por Guilherme Fontes conta a história de um repórter policial, que ganha status ao levar para a TV casos sensacionalistas retratando a violência e o tráfico.

A personagem de Mel tem como parceiro Truco (Jonathan Haagensen) em sequências que envolvem a exploração de mulheres e rituais espirituais com plantas medicinais. "Uma personagem intrigante, inusitada, porque ela é uma mulher que vive na mata, na selva, que realiza rituais de sacrifício humano. Estrangeira e líder de uma seita em que há um ritual com virgens. Eles exploram o turismo espiritual. As mulheres são sequestradas e mandadas para a fronteira. Lá, Truco escolhe quem a Gringa vai usar", explica.

Sobre os desafios de dar vida a uma vilã, ela diz: "Tem coisas pesadas. Então, tem ali um fundo que é baseado em coisas fictícias. Nesse submundo há muita coisa pesada, muita carga. Trabalhamos numa esfera energética muito carregada e extremamente violenta. Foi puxado, mas desafiador".

Mel Lisboa revela que, durante as gravações, levou um susto ao ver uma aranha caranguejeira.

"Gravar na floresta tem disso. Eu amei estar no Pará. Um povo muito acolhedor. Mas nos bastidores gravamos entre cobras e aranhas. Em Belém, quando eu trocava de roupa, vi uma caranguejeira", conta a atriz.

COPRODUÇÃO

A série 'Pacto de Sangue' é uma criação de Lucas Vivo, com direção do brasileiro Tomás Portella e do uruguaio Adrián Caetano, roteiro do argentino Patrício Vega e colaboração de Ricardo Grynszpan.

A atração é uma coprodução do canal Space com a Intro Pictures e conta com oito episódios de 45 minutos cada um. O elenco também traz nomes renomados na dramaturgia brasileira, como Guilherme Fontes, Fulvio Stefanini, Gracindo Jr e Paulo Miklos.

Mel Lisboa faz mistério sobre o desfecho das maldades de sua vilã na trama. "Difícil de prever esse futuro. É uma personagem que fascina, mesmo que seja pelo choque, pelo absurdo e pela revolta. A Gringa tem uma coisa de liderança nata. Ela manda nos seus capangas com um poder só dela, assume o lugar de dominadora", finaliza.

Você pode gostar
Comentários