Em 48h de vaquinha virtual, José de Abreu arrecada mais de R$ 20 mil

Ator foi condenado a pagar de R$ 20 mil em indenização ao hospital Albert Einstein por danos morais. Fãs ajudaram na arrecadação

Por iG

José de Abreu
José de Abreu -
Rio - José de Abreu tem sido notícia na última semana devido a alguns escândalos. Antes de fazer referência a morte de Daniella Perez num post sobre política, o ator foi condenado a pagar R$ 20 mil ao hospital Albert Einstein por danos morais.
Na ocasião José de Abreu escreveu: “Teremos um governo repressor, cuja eleição foi decidida numa facada elaborada pelo Mossad [serviço secreto israelense], com apoio do Hospital Albert Einstein, comprovada pela vinda do PM israelense, o matador e corrupto Bibi. A união entre a igreja evangélica e o governo israelense vai dar merda".

Com a sentença imposta pela Justiça na semana passada, o ator não teve problemas para arrecadar o dinheiro. Num site de financiamento coletivo, o Vakinha.com, alguns fãs se juntaram ao ator e criaram uma campanha “Ninguém solta a mão do Zé de Abreu!”, no último domingo (07).
No texto descritivo da campanha, José de Abreu é chamado de “autoproclamado Presidente do Brasil”. O criador também diz que a condenação é injusta e que “o excedente juntamente com mais R$ 20 mil serão doados para instituições que cuidam de crianças e idosos”.

Em menos de 48h José de Abreu conseguiu a quantia de R$ 20.235,00 quando o objetivo era de R$ 20 mil reais. Apesar do valor batido, a campanha tem previsão de encerramento em outubro de 2019.



Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários