Encontro com Frida Kahlo na Gávea

Espetáculo explora intimidades da vida da famosa pintora mexicana

Por Juliana Pimenta

Rose como Frida
Rose como Frida -

Rio - Só neste fim de semana, Rose Germano vive Frida Kahlo, no espetáculo 'Frida Kahlo - A deusa tehuana', no Teatro Clara Nunes. A montagem propõe uma nova visão sobre a figura da famosa pintora mexicana, usando a desconstrução do mito para falar da mulher. 

Para o diretor do espetáculo, Luiz Antonio Rocha, a Frida da peça é "bem diferente da figura pop na qual foi transformada pela grande mídia no mundo inteiro". Para a preparação da peça, o diretor foi ao México, para encontrar inspiração sobre a pintora que "transformou a dor em arte estava despida para dar vida à deusa tehuana".

De acordo com a atriz que dá vida à Frida, "há uma similaridade entre as culturas mexicana e brasileira, especificamente a nordestina, em que estão as minhas raízes".

Rose ainda destaca o valor da montagem para o público."A importância de reviver essa história está na autenticidade da mulher à frente do nosso tempo. Ela é a desmedida, está fora dos padrões estabelecidos".

TEATRO CLARA NUNES. Rua Marquês de São Vicente 52, Gávea. Sexta e sábado, às 21h. Domingo, às 20h. Ingressos: R$ 80. Classificação etária: 18 anos

Comentários