Diversos: Mostra 'Patrimônio Imaterial Brasil-Portugal' reúne acervo com mais de 200 peças

História luso-brasileira é contada no Paço Imperial

Por Lucas França

Exposição Patrimônio Imaterial Luso-Brasileiro
Exposição Patrimônio Imaterial Luso-Brasileiro -

Rio - O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em parceria com a Direção-Geral do Patrimônio Cultural de Portugal (DGPC), traz ao Paço Imperial, no Centro do Rio, a exposição 'Patrimônio Imaterial Brasil-Portugal - A Celebração Viva da Cultura dos Povos'. Inédita, a mostra leva ao público um acervo com mais de 200 peças que destacam a riqueza da cultura luso-brasileira. Cerâmicas, instrumentos musicais, artefatos indígenas, além da representação de ritmos e festividades únicos, como indumentárias do Complexo Cultural Bumba-meu-boi, Maracatus e Festival de Parintins compõem o acervo, aberto ao público até março de 2020. Outras obras também estão disponíveis aos visitantes, como as que remetem ao fado, às matrizes do samba do Rio de Janeiro, do frevo e da tradição do modo de fazer uma renda irlandesa.

Paço Imperial. Praça Quinze de Novembro 48, Centro. Terça a sexta-feira, das 12h às 19h, sábado e domingo, das 12h às 18h. De 19 de novembro a 29 de março de 2020. Entrada gratuita. Classificação etária: Livre.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários