Tite mantém sistema de rodízio de capitães da Seleção e Marcelo é o escolhido da vez

Técnico utiliza esquema desde a época do Corinthians e afirmou que dará continuidade no Mundial

Por O Dia

Marcelo será o capitão da seleção brasileira em partida de estreia contra a Suíça
Marcelo será o capitão da seleção brasileira em partida de estreia contra a Suíça -

Rússia - Tite mantém o sistema de rodízio de capitães na Seleção e o escolhido para a partida de estreia contra a Suíça é o lateral Marcelo. O jogador já havia usado a faixa na vitória por 2 a 0 sobre o Equador, no ano passado.

O técnico da seleção brasileira adotou o sistema de rodízio desde a época do Corinthians, a fim de motivar o grupo e atribuir aos jogadores a responsabilidade de liderança, não focando apenas em um. Tite afirmou que continuará fazendo o esquema durante o Mundial.

"Alguns atletas não se sentem bem com ela, atrapalha, mas a grande maioria se sente orgulhosa. Dá uma parcela de responsabilidade, isso vem junto. Vai ter rodízio entre os principais atletas, os mais experientes", disse o técnico, há uma semana.

Além de Marcelo e Miranda, que vestiu a braçadeira no último amistoso antes da Copa do Mundo, outros jogadores que têm grande probabilidade de revezarem a responsabilidade de capitão ao longo do Mundial são Thiago Silva e Neymar.