Craque da seleção argentina de 1986 faz críticas à equipe: 'Parecemos um timinho'

Ruggeri acredita que grupo é muito dependente de Lionel Messi e precisa ser mais agressivo dentro de campo

Por O Dia

Oscar Ruggeri está secando Neymar
Oscar Ruggeri está secando Neymar -

Rússia - A seleção Argentina precisa saber jogar sem o camisa 10, Lionel Messi. É o que diz o campeão da Copa do Mundo de 1986 pela Argentina, Oscar Ruggeri. O ex-craque fez questão de demonstrar o incomodo pela seleção depender do ídolo e criticou duramente a equipe.

“Na seleção jogam atletas importantes ao redor de Messi. Temos que tratar de ser uma grande equipe. Dependemos tanto de Messi que quando ele não está bem parecemos um timinho. E não é assim”, lamentou Ruggeri, em entrevista à rádio 'Marca', da Espanha.

Ruggeri ainda deseja que a seleção seja mais agressiva em campo.

“A Argentina é uma seleção importante. Cada jogador é destaque na liga do país em que joga. Precisamos que se conversem, que sejam eles mesmos... e que tenhamos um pouco de raiva”, pediu.

 

A Argentina precisa da vitória no próximo jogo, que será contra a Croácia nesta quinta-feira.