Juan Carlos Osorio conversa com os jogadores do México: técnico conhece bem os detalhes do futebol brasileiro - AFP
Juan Carlos Osorio conversa com os jogadores do México: técnico conhece bem os detalhes do futebol brasileiroAFP
Por

Rússia - A confirmação de que enfrentariam o Brasil nas oitavas de final foi recebida com certa preocupação no México. Tentando derrubar um tabu que os persegue nas últimas seis Copas do Mundo, nas quais foram eliminados justamente nesta fase, os mexicanos demonstram respeito pela Seleção de Tite, mas a grande preocupação é espantar o fantasma das oitavas e disputar o sonhado 'quinto jogo' no Mundial.

Ao lado do Brasil, o México é o único país que avançou na fase de grupos desde a Copa de 1994, na França, mas, depois dessa etapa, o retrospecto das equipes é muito diferente. Ao contrário dos mexicanos, a seleção brasileira sempre chegou ao menos às quartas de final.

O histórico nos confrontos diretos também joga contra a seleção do técnico Carlos Osorio. Nas quatro vezes em que as duas seleções se enfrentaram em Copas do Mundo, foram três vitórias brasileiras e um empate os adversários nem sequer balançaram a rede nesses jogos.

Entretanto, em entrevista à TV 'Univision Deportes', Osorio mostrou confiança para a partida. "O Brasil tem um estilo de jogo muito similar ao da nossa seleção, e vamos competir de igual para igual. Vai passar quem estiver em um melhor dia", disse.

Para o jogo com o Brasil, o México ainda terá um desfalque importante: o zagueiro Hector Herrera, suspenso por ter levado o segundo amarelo. Seu substituto deve ser o experiente Rafael Márquez.

Você pode gostar
Comentários