Macron diz que G7 precisa discutir destruição da Amazônia: 'Nossa casa está queimando'

Presidente francês afirmou que o desmatamento da floresta brasileira constitui uma 'crise internacional' e convocou líderes mundiais para discutir questão

Por O Dia

Presidente francês, Emmanuel Macron
Presidente francês, Emmanuel Macron -
Paris - O presidente da França, Emannuel Macron, convocou, nesta quinta-feira, a cúpula do G7 para discutir o problema da Amazônia. "Nossa casa está queimando. Literalmente. A floresta amazônica - o pulmão que produz 20% do oxigênio do nosso planeta - está em chamas. É uma crise internacional. Membros da cúpula do G7, vamos discutir essa emergência, com prioridade, em dois dias!" 
O G7 é um bloco internacional de países, composto por algumas das principais potências mundiais: Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Estados Unidos e Reino Unido. O encontro da cúpula ocorrerá neste final de semana, em Biarritz, na França.

Comentários