FMI espera crescimento de 3% da economia mundial em 2014

Fundo deve revisar suas projeções de crescimento. Christine Lagarde pediu atenção à "revalorização muito alta de alguns ativos"

Por marta.valim

A diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, abriu espaço, nesta segunda-feira, para uma revisão em baixa do crescimento mundial em 2014 ao esperar um "pequeno 3%", contra os 3,4% previstos até agora.

"Estamos atualizando nossas previsões. O crescimento vai aumentar um pequeno 3% neste ano, entre 3% e 3,5%", disse a diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) em uma entrevista ao jornal francês Les Echos.

"O crescimento econômico é ao mesmo tempo muito fraco, frágil e desigual", disse. O FMI planeja apresentar suas previsões de crescimento atualizadas no dia 7 de outubro.

Lagarde também reiterou sua preocupação sobre a "revalorização muito alta de alguns ativos", embora tenha dito: "não falo de bolha".

No entanto, pediu um "cuidado crescente dos supervisores e reguladores" dos mercados.

A crise da Ucrânia manchou um pouco mais as perspectivas econômicas no mundo, já sombrias na zona do euro e marcadas pela desaceleração dos países emergentes e pela contração do crescimento no Japão.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia