Suspeito de matar família brasileira na Espanha é preso em Madri

Patrick Nogueira Gouveia, que é sobrinho de uma das vítimas, decidiu entregar-se após aceitar acordo entre seu advogado e a justiça espanhola

Por lucas.cardoso

Madri -O acusado de ter assassinado os integrantes de uma família brasileira na Espanha, desembarcou nesta quarta-feira em Madri, após entrar em acordo para se entregar e foi detido por agentes da Guarda Civil do país europeu. O suspeito, Patrick Nogueira Gouveia, de 20 anos, é sobrinho de Marcos Nogueira, um dos mortos, junto com a mulher e os dois filhos do casal, de um e quatro anos de idade, na cidade de Pioz, localizada na província de Guadalajara.

De acordo com informações obtidas por investigadores,  Patrick decidiu se entregar depois de aceitar acordo firmado entre seu advogado e os investigadores do caso.

Brasileiros Marcos Nogueira e Janaína Américo foram assassinados e esquartejados%2C junto com os dois filhos%2C pelo sobrinho%2C na EspanhaReprodução Facebook

Nesta quarta-feira, o acusado, viajou de São Paulo rumo ao aeroporto Adolfo Suárez-Madri Barajas, onde foi detido por agentes da Guarda Civil Espanhola. Patrick seria interrogado ainda nas instalações da corporação no local e depois ficaria à disposição da justiça.

Os corpos dos quatro integrantes da família brasileira foram encontrados no dia 18 de setembro, em sacos plásticos, no interior da casa onde viviam. A polícia acredita, no entanto, que o crime aconteceu um mês antes.

Com informações da EFE

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia