Estado Islâmico reivindica responsabilidade por ataque com 28 mortes no Iraque

Duas bombas foram explodidas em um mercado localizado em Bagdá

Por sarah.borborema

Bagdá - O Estado Islâmico reivindicou a responsabilidade por ataque que deixou pelo menos 28 pessoas mortas e 54 feridas em Bagdá, capital do Iraque, segundo comunicado publicado há pouco pela agência de notícias do grupo extremista, a Aamaq.

Na ocasião, duas bombas foram explodidas em um mercado localizado no centro da cidade, chamado al-Sinak, onde se vende acessórios para carro, comida, roupas, sementes e maquinário. O comunicado do Estado Islâmico afirma que as explosões foram causadas por uma dupla de homens-bomba.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia