Mais Lidas

Vândalos destroem lápides e estátuas em cemitério do Araçá

Esta não é a primeira vez que o local é depredado

Por nara.boechat

Araçá (São Paulo) - Cerca de 30 pessoas vestidas de preto invadiram o cemitério de Araçá (SP) pela porta da capela principal na madrugada desta segunda-feira e destruíram pelo menos 21 estátuas, louças, bancos de pedra e sepulturas, além de banheiros, lápides, portas de vidro, túmulos e o interior da capela.

Os vândalos conseguiram sair do cemitério antes da chegada da Guarda Civil Metropolitana (GCM), por volta das 5h30. A polícia foi chamada e o caso foi registrado no 91º Distrito Policial, da Vila Leopoldina, na Zona Oeste da cidade.

Outra depredação

O Cemitério de Araçá parece ser visado pelos vândalos. No início de novembro do ano passado, o Ossário Geral, que abriga as mais de mil ossadas de mortos e desaparecidos políticos encontrados em 1990 no cemitério de Perus, utilizado durante o períodso da ditadura militar, foi depredado na madrugada do dia 3.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia