Governo de SP libera R$ 3 milhões para reabrir Santa Casa

Pacientes que foram ao Pronto Socorro encontraram portão fechado e faixa informando e lamentando o fechamento

Por tamara.coimbra

São Paulo - O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira que vai liberar R$ 3 milhões para viabilizar a reabertura da urgência e emergência da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, na capital paulista. Além disso, o governo relatou que, por meio de um plano de contingência, os casos graves serão encaminhados para os 38 hospitais de grande porte da cidade. Já os pacientes menos graves serão orientados a procurar as AMAs (Assistência Médica Ambulatorial).

Por falta de dinheiro para comprar materiais e medicamentos, a Santa Casa interrompeu, na noite desta terça-feira, os atendimentos de urgência e emergência do Pronto-Socorro. Os pacientes que foram ao Pronto Socorro no bairro de Santa Cecília, região central, encontraram os portões fechados e uma faixa informando e lamentando o fechamento.

Em nota, a instituição informou que "se viu compelida a interromper o atendimento de urgência e emergência do seu hospital central, devido a falta de recursos para aquisição de materiais e medicamentos". A Santa Casa é uma instituição filantrópica que se mantém com recursos do Sistema Único de Saúde (SUS) e doações.

Com informações do iG

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia