Mulher que levou cotovelada continua internada

Polícia aguarda laudo do IML com detalhes das lesões. Estado de saúde da jovem é estável, segundo secretaria de saúde

Por karilayn.areias

Rio - A auxiliar de produção Fernanda Regina Cézar Santiago, 30 anos, continua internada na enfermaria neurológia do Conjunto Hospitalar de Sorocaba, no interior de São Paulo, onde se recupera de um traumatismo craniano causado por uma cotovelada após sair de uma festa em São Roque, no último dia 16.

Segundo informações da assessoria da Secretaria Estadual de Saúde, o estado de saúde de Fernanda é estavel e ela permanece no hospital recebendo cuidados médicos. 

Fernanda Regina foi agredida com cotovelada e sofreu traumatismo cranianoReprodução Internet

O comerciante Anderson Tingo Oliveira, apontado como o responsável pela agressão, está preso temporariamente na Unidade Prisional de Transição de São Roque e responderá por tentativa de homicídio qualificado, já que a vítima não conseguiu se defender. Após a conclusão do inquérito, a prisão preventiva do comerciante será solicitada à Justiça e o caso relatado ao Ministério Público.

Leia mais

Mulher agredida com cotovelada em São Paulo deixa UTI

Com a recuperação de Fernanda, a polícia pretende ouvir um depoimento da vítima. Além disso, também é aguardado um laudo do Instituto Médico Legal (IML) e do prontuário médico, que relatará os detalhes de todas as lesões sofridas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia