Tráfico e governo negociam apoio

Gravações feitas numa penitenciária do Amazonas revelam o que seria uma negociação do subsecretário de Justiça do estado com líder da principal fação criminosa amazonense

Por felipe.martins , felipe.martins

Manaus - Gravações feitas numa penitenciária do Amazonas e divulgadas no site da revista ‘Veja’ revelam o que seria uma negociação do subsecretário de Justiça do estado, major Carliomar Barros Brandão, com José Roberto Fernandes Barbosa, líder da principal fação criminosa amazonense, a Família do Norte. Na gravação, uma voz que seria a do bandido promete 100 mil votos ao governador José Melo (Pros), que disputa a reeleição.

Em troca, o traficante pede que seus aliados não sejam assassinados se forem presos.
Ontem, o governador do Amazonas exonerou o subsecretário Carliomar Barros Brandão e disse que determinou que seja investigada a suposta negociação com traficantes. José Melo disputa o segundo turno com Eduardo Braga (PMDB). Segundo pesquisa do Ibope divulgada na sexta-feira, o governador tem 49% das intenções de voto, e Braga, 44%.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia