Doleira da Operação Lava Jato e mais sete réus são condenados

Nelma Kodama é condenada a 18 anos de prisão pela prática de 91 crimes de evasão de divisas

Por victor.duarte

Paraná - A Doleira Nelma Mitsue Penasso Kodama foi condenada a 18 anos de prisão, inicialmente em regime fechado, pela prática de 91 crimes de evasão de divisas. A Justiça Federal do Paraná publicou a sentença nesta quarta-feira.

LEIA MAIS: Youssef é absolvido da acusação de lavagem de dinheiro do tráfico

De acordo com a Justiça, Nelma é acusada de atuar em parceria com Alberto Youssef no esquema de lavagem de dinheiro que movimentou mais de R$ 10 bilhões. A doleira, que operou uma movimentação ilegal que chegou a US$ 5.271.649,42 entre maio e novembro de 2013, foi condenada por crimes de evasão de divisas, evasão de divisas tentada, operação de instituição financeira irregular, corrupção ativa e pertinência a organização criminosa.

Nelma está presa na Casa de Custódia de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba. Em março deste ano, ela foi presa no Aeroporto Internacional de Guarulhos durante a Operação Lava Jato. De acordo com o Ministério Público Federal, a doleira tentou fugir para a Itália com 200 mil euros escondidos na calcinha ao saber que estava sendo investigada pela Polícia Federal.

Outros sete réus condenados na Lava Jato:

Iara Galdino, braço direito de Nelma, foi condenada a 11 anos e nove meses de prisão e multa de R$ 60.340,00.

Cleverson Coelho de Oliveira, o motorista de Nelma, deve cumprir cinco anos e dez dias de reclusão e pagar uma multa de R$ 21.720,00.

Faiçal Mohamed Nercidine foi condenado a um ano e seis meses de prisão.

A mãe de Nelma, Maria Dirce Penasso, foi condenada a dois anos, um mês e dez dias.

Juliana Cordeiro de Moura foi condenada a dois anos e dez dias.

Rinaldo Gonçalves foi condenado a dois anos e oito meses de prisão.

Luccas Pace Junior, que firmou um acordo de delação premiada com a Justiça, foi condenado e teve a pena reduzida para quatro anos, dois meses e 15 dias de prisão e multa de R$ 101.360,00.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia