Por tamara.coimbra
Publicado 26/11/2014 14:20 | Atualizado 26/11/2014 14:21

São Paulo - Um ônibus biarticulado foi incendiado dentro do Terminal Tiradentes, na Zona Leste da capital paulista. A Polícia Militar (PM) informou que foi chamada às 23h desta terça-feira para atender à ocorrência no terminal, localizado na Avenida dos Metalúrgicos, Cidade Tiradentes. Ninguém foi detido e não houve feridos.

Nesta terça mais cedo, um ônibus também foi incendiado na Avenida Zaki Narchi, na Zona Norte, perto da sede do Departamento Estadual de Investigações Criminais. Essa região da cidade viveu, na terça-feira, momentos de tensão após toque de recolher, imposto depois da morte do integrante de uma facção criminosa no último domingo, na região da Vila Medeiros.

Estabelecimentos comerciais dos bairros Parque Edu Chaves, Vila Maria, Jardim Brasil e Vila Guilherme chegaram a fechar as portas. Segundo a PM, a situação nesses bairros, no início da manhã desta quarta-feira, é tranquila.

Presos suspeitos de toque de recolher

A Polícia Civil de São Paulo identificou e deteve suspeitos de determinarem toque de recolher e de atacar ônibus nesta terça-feira na Zona Norte de São Paulo. Está sendo investigada a possibilidade de a ação criminosa ter sido organizada para vingar o assassinato de um traficante, no último domingo.

De acordo com a polícia, quatro pessoas, sendo dois adolescentes, foram detidos por suspeita de mandarem comerciantes fecharem as portas. Eles foram responsabilizados por associação criminosa. Os maiores ficarão presos e os adolescentes serão apreendidos e levados a uma unidade da Fundação Casa, onde passarão por medidas socioeducativas.

Doze pessoas também foram identificadas por suspeita de participação nos ataques incendiários a veículos. Um ônibus e um carro foram queimados a 200 metros da sede do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), da Polícia Civil. Entre os suspeitos, cinco são adolescentes. A polícia tenta localizá-los.

Com informações do iG

Você pode gostar