Brasileiros já gastam mais tempo na internet que assistindo a TV

Pesquisa revela ainda que as informações dos jornais são consideradas as mais confiáveis

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - De acordo com a pesquisa, os brasileiros passam, em média, quatro horas e 59 minutos por dia usando a internet durante a semana. Nos fins de semana, o índice cai para quatro horas e 24 minutos por dia. Já a média de tempo assistindo à TV ficou em quatro horas e 31 minutos nos dias de semana e quatro horas e 14 minutos aos sábados e domingos.

O titular da Secretaria de Comunicação, ministro Thomas Traumann, ao avaliar os resultados, disse que, apesar de a diferença do tempo gasto na TV e na internet ainda ser pequena, a pesquisa mostra uma tendência. “O tempo dá um parâmetro de como o brasileiro está migrando de forma consolidada para os meios de comunicação digitais”, afirmou ele.

Pesquisa revela que cresce tempo gasto por brasileiros na internet%2C principalmente entre os mais jovensTania Rego / ABR

De acordo com a pesquisa, a internet é o terceiro meio de comunicação mais usado pelos brasileiros, atrás da TV e do rádio e à frente dos jornais e revistas. O levantamento, que ouviu 18 mil pessoas e traçou um perfil do consumo de informações nas diferentes mídias, apontou que 43% dos brasileiros usam a rede como meio de comunicação.

Entre eles, 76% acessam a rede todos os dias. O pico de uso é às 20h, tanto nos dias úteis quanto nos fins de semana. De acordo com a pesquisa, 67% acessam a rede em busca de informações ou notícias. O percentual é o mesmo dos que dizem entrar na internet para buscar entretenimento, num questionário com possibilidade de múltiplas respostas.

Mais confiança em jornais

Apesar do aumento da busca de notícias pela internet, os veículos impressos são considerados os mais confiáveis. Dos entrevistados, 58% afirmaram que “confiam sempre” ou “muitas vezes” em jornais. As informações da TV ficaram em segundo lugar, com 54%, e as do rádio em terceiro, com 52%. Apenas 27% disseram confiar “sempre ou muitas vezes” nas notícias da internet.

A pesquisa revelou também que, no acesso à internet, fatores como escolaridade, idade e nível de renda são mais determinantes que nos outros meios. Na faixa até 25 anos, por exemplo, 63% acessam a internet todos os dias. O percentual cai para 4% na faixa acima de 65 anos.

Na avaliação por renda, a pesquisa confirmou que os mais ricos usam mais a internet. Dos que têm renda familiar superior a cinco salários-mínimos, 76% acessam a rede pelo menos uma vez por semana.Já entre os com renda até um mínimo por mês, 20% acessam a internet com a mesma assiduidade.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia