Governador do Rio Grande do Sul desiste de aumentar o próprio salário

Ele alegou “ouvir a voz dos gaúchos”

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio Grande do Sul - Três dias depois de ter sancionado aumento de 45,9% em seu próprio salário, o novo governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori (PMDB), recuou e renunciou ao reajuste. . Com a desistência, o salário do vice-governador, José Paulo Cairoli (PSD) também não será reajustado.

Com o aumento, o salário de Sartori iria dos atuais R$ 17.347,14 para R$ 25.322,25 – mesma remuneração de um deputado estadual. O salário do vice subiria de R$ 11.564,76 para R$ 18.991,69. GDurante o final de semana, Sartori foi alvo de críticas duras por ter sancionado o aumento em meio a uma grave crise financeira no estado. O projeto de aumento havia sido aprovado pela Assembleia no final do ano passado. O ato invalidando o aumento deverá sair publicado no Diário Oficial de hoje.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia