Rato é domesticado e usado para traficar drogas em penitenciária

Agentes apreenderam ainda 29 trouxas de maconha e 23 de cocaína em presídio do Tocantins

Por gabriela.mattos

Tocantins - Mesmo presos, os traficantes do Presídio Barra da Grota, no Tocantins, deram um jeito de continuar as suas atividades. Eles domesticaram um rato para fazer a entrega de drogas e outros objetos ilícitos dentro da penitenciária. O vídeo foi divulgado por agentes do local.

Segundo o portal "G1", o animal fazia uma espécie de "ponte" entre um pavilhão e outro. Para isso, os presos amarraram uma corda no rato. No mesmo dia, os policiais apreenderam ainda 29 trouxas de maconha e 23 de cocaína no pavilhão A da penitenciária.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia