Mais de 222 mil casas com focos do Aedes aegypti no país

Técnicos eliminaram o vetor da dengue, da febre chikungunya e da Zika

Por felipe.martins , felipe.martins

Brasília - Equipes do Ministério da Saúde encontraram focos do Aedes aegypti em 3% das 7,4 milhões de casas visitadas em 19 estados brasileiros. Em mais de 222 mil residências, os técnicos eliminaram o vetor da dengue, da febre chikungunya e da Zika.

A meta do Ministério é que o índice caia para 1% de residências infectadas até o fim de fevereiro, mas o ministro da Saúde está pessimista. “Estamos perdendo a a guerra contra o Aedes”, declarou ontem o ministro Marcelo Castro.

Desde o começo de 2106, foram visitados 15,2% dos 49,2 milhões de domicílios urbanos do país, de acordo com os coordenadores da operação de combate ao Aedes. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia