País crescerá 4% ao ano até 2022

'Não é um grande salto, é suficiente para aumentar a renda per capita', declarou ministro da Fazenda Guido Mantega

Por helio.almeida

São Paulo – O Ministro da Fazenda, Guido Mantega, projetou que o Brasil deve registrar um crescimento no Produto Interno Bruto (PIB) de, em média, 4% ao ano, a partir de 2014 até 2022. “Não é um grande salto, é bastante realista, eu diria até que modesto. É suficiente para aumentar a renda per capita”, declarou durante o Seminário Brasil: Uma Visão de Dez Anos, que ocorreu esta manhã na capital paulista.

O ministro disse também que o país deve manter a inflação sob controle na próxima década, mantendo-se, em média, 4% ao ano entre 2013 e 2022, o que considerou uma evolução em relação ao cenário atual.

Mantega destacou ainda a importância do crescimento dos investimentos. Numa projeção que leva em conta a expansão dos investimentos em relação ao ano anterior, na média do período entre 2013 e 2022, o ministro prevê crescimento de 7% ao ano. “Em 2013 já alcançamos este patamar”, informou.

Na visão do ministro, a economia internacional superou a crise dos últimos cinco anos, e os países se preparam para um crescimento continuado e gradual do PIB mundial. “Não haverá de novo uma crise como a de 2008. Não é toda década que temos uma crise dessa magnitude, podemos ter uma crise pequena, mas que não vai nos afetar”, declarou.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia