Sucesso na Carreira: Combater a causa da ansiedade é fundamental

Atividades físicas, uma boa leitur ou uma ida ao cinema podem trazer um pouco de prazer a uma rotina de trabalho exaustiva

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - Numa corrida em busca de uma carreira de sucesso e um padrão de vida “ideal”, as pessoas têm escolhido profissões sem pensar no que dá prazer e sentido às suas vidas. Elas acabam trabalhando demais, abrem mão da vida particular e esquecem um pouco da saúde. E para dar conta das crescentes demandas, usam medicamentos para controlar o estresse e a ansiedade provocador pelas tarefas do cotidiano.

Algumas horas de dedicação a atividades físicas, uma boa leitura que não seja obrigatória ou uma ida ao cinema em boa companhia podem trazer um pouco de prazer a uma rotina de trabalho exaustiva.
Veja como é importante descobrir e saber lidar com as causas da ansiedade, principalmente, quando o assunto é trabalho.

PERGUNTA E RESPOSTA

“Tomo remédios controlados para ansiedade, mas acabo ficando com muito sono. No próximo mês participarei de dinâmica em grupo de uma empresa contratante e estou com receio de tomar o medicamento. O que faço ?” Alexandra, e-mail

Olá Alexandra! De acordo com a psiquiatra Ana Beatriz Barbosa, os medicamentos aumentam a tolerância à ansiedade, mas comprometem a capacidade criativa. Para receber orientações sobre o uso do remédio no período do processo seletivo, sugiro que você converse com seu médico, ele seria o profissional mais indicado para essa situação.

No dia a dia, a ansiedade pode ser acionada por fatores como medo e estresse. A pergunta a ser feita para combater sua causa e diminuir a dependência de medicamentos é: “O que está na raiz da ansiedade?” Provavelmente não temos consciência do motivo, mas encontrar a resposta ajudará muito. É importante nos concentrarmos na causa para que o tratamento funcione conforme o esperado.

Por exemplo, boa parte da ansiedade das pessoas vem do medo de não conseguir cumprir uma extensa agenda. Quando jovens temos que fazer uma faculdade, pós-graduação, ler dez livros. Na maturidade nossas preocupações não terminam, mas mudam de direção, começam as preocupações com imóveis, casamento, ter ou não filhos, aprender um idioma, ter sucesso na carreira ou no próprio negócio, e por aí vai. Em suma, medo de fracassar nas exigências que os pais e a sociedade nos impõem.

E este é o ponto: para o jovem combater a causa da ansiedade precisa se desconectar das imposições externas e responder: “Entre tantas opções qual me fará feliz e como chegar lá?” A resposta pode não surgir imediatamente, mas persistindo ela aparecerá.

Qualquer que seja a causa da ansiedade é importante identificá-la. Os terapeutas estão preparados para ajudar a combatê-la, deixando as pessoas mais seguras para construírem sua vida pessoal e profissional. Boa sorte e até a próxima semana!

Janaina Ferreira é professora do Ibmec-RJ. Amanhã, Sucesso nas Finanças.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia