Mais Lidas

Homem que manteve reféns durante dois dias é detido nos EUA

Segundo policial, suspeito foi detido em um apartamento, onde foram encontradas três crianças feitas reféns

Por cadu.bruno

Estados Unidos - A polícia da cidade americana de Trenton (Nova Jersey) deteve o homem que mantinha reféns em um apartamento desde a última sexta-feira e que, segundo a imprensa local, pode ter matado uma mulher e uma criança, informaram neste domingo as autoridades locais.

Segundo o tenente da polícia de Trenton, Stephen Vam, o homem, ainda não identificado, foi detido nesta madrugada no apartamento, onde foram encontradas três crianças feitas reféns e que agora estão bem e em local seguro. Vam preferiu não confirmar se também havia corpos dentro do imóvel, segundo o jornal "The Times", de Trenton.

De acordo com o veículo, que citou fontes policiais, o homem que está preso matou a namorada e outra criança que também estava no cativeiro. "The Times" também publicou, no último sábado, declarações de Ray Kelly, que identificou a vítima como sua prima, Carmen Kelly, de 42 anos, e acrescentou que quatro dos cinco filhos dela estavam no apartamento.

O filho mais velho de Carmen, que tem 19 anos e é autista, está bem e na casa de parentes, afirmou Ray. Ainda de acordo com o jornal, o suspeito não é o pai das crianças. As autoridades iniciaram as negociações com o homem, supostamente armado, na tarde da última sexta-feira, quando foram ao imóvel para averiguar sobre o estado de uma mulher.

Os parentes dela haviam ligado para a polícia por não conseguirem entrar em contato. Equipes armadas, agentes do FBI, policiais da cidade e estaduais, além de especialistas em negociação de reféns, foram até o local do cativeiro para tentar resolver a situação e fazer com que o sequestrador se rendesse.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia