EUA enviam novos aviões ao Japão após tensão na região

Reforço militar norte-americano inclui seis aeronaves que serão levadas à base aérea de Okinawa este mês

Por bianca.lobianco

Japão - O primeiro avião patrulha P-8 Poseidon da Marinha dos Estados Unidos chegou ao Japão, como parte de uma campanha que vai ampliar a capacidade norte-americana de caçar submarinos e outras embarcações em águas próximas da China, num momento de tensão crescente na região.

O reforço militar norte-americano, que já estava previsto antes da criação pela China de uma zona de defesa, área que cobre ilhas controladas pelo Japão e reivindicadas por Pequim, inclui seis aeronaves que serão levadas à base aérea de Okinawa este mês.

A primeira chegou no domingo, segundo um porta-voz da Marinha dos EUA. A missão nas águas a oeste do Japão será a primeira do novo avião. O caça, construído pela Boeing sobre o avião de passageiros 737, foi idealizado para substituir o P-3 Orion, da Lockheed Martin, que está em serviço há mais de 50 anos.

A chegada do primeiro P-8 aconteceu um dia antes da visita a Tóquio do vice-presidente norte-americano, Joe Biden, numa viagem que está sendo ofuscada pela disputa territorial entre Japão e China no mar do Leste da China.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia