Mais Lidas

Astronautas farão caminhada espacial para realizar reparos na estação ISS

Três caminhadas devem durar em torno de seis horas e meia

Por helio.almeida

Estados Unidos - A Agência Espacial dos Estados Unidos (Nasa) anunciou nesta terça-feira que seus astronautas deverão realizar três caminhadas espaciais a partir do sábado para fazer reparos na válvula danificada que provocou problemas no sistema de refrigeração da Estação Espacial Internacional (ISS).

Estação espacial ISSDivulgação

A agência espacial informou que está previsto que os dois astronautas americanos da expedição 38 da Estação Espacial, Rick Mastracchio e Mike Hopkins, substituam a bomba de refrigeração defeituosa em uma atividade extraveicular, depois que as tentativas de repará-la por outros meios não foram bem sucedidas.

As caminhadas espaciais devem durar em torno de seis horas e meia e serão realizadas nos dias 21, 23 e 25, informou a NASA em comunicado. Os dois astronautas revisaram os trajes espaciais que vão utilizar para o trabalho no exterior da ISS.

A atividade consistirá em substituir a bomba por outra armazenada em um módulo externo. O aparelho é utilizado para regular o fluxo de amoníaco no exterior da ISS para a refrigeração dos equipamentos eletrônicos da estação.

A Nasa avaliou o modo de operação para consertar o defeito, que ocorreu no último dia 11 e não causou graves problemas no dia a dia da missão espacial da estação, onde vivem seis tripulantes, os dois americanos, três russos e um japonês.

No entanto, o contratempo causou um atraso no lançamento do módulo de carga Cygnus, da empresa privada Orbital Science, que estava previsto para ser lançado esta semana.

A Nasa considerou que o lançamento terá que ser adiado até meados de janeiro, para que a tripulação da ISS dedique todo o tempo para consertar a avaria.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia