Jogar futebol é golaço para o corpo em qualquer idade

Esporte fortalece o coração, regula a pressão e diminui muito os riscos de infarto e de AVC

Por tabata.uchoa

Rio - Faltando menos de 20 dias para a Copa do Mundo no Brasil, os corações já começam a bater acelerados. Para quem pratica o futebol regularmente, não há motivos para preocupações com o ritmo cardíaco. Esta atividade física, além de divertir, também fortalece o sistema cardiovascular, regulando a pressão arterial e diminuindo os riscos de infarto e AVC.

Médico do Instituto Nacional de Cardiologia, Stephan Lachtermacher explica que atividades aeróbicas,como o futebol, são responsáveis por melhorar a circulação sanguínea. Os vasos se estiram, como se fizessem exercício. “Esse movimento os torna mais resistentes, o que dificulta a ‘calcificação’ de placa de gordura neles.”

Thiago%2C de 25 anos%2C se diverte ao mesmo tempo em que cuida da saúde%2C jogando bola regularmenteCacau Fernandes / Agência O Dia

Ele detalha ainda que, durante o exercício, o corpo libera mais HDL, o chamado colesterol bom, que dificulta o acúmulo de gordura na parede das artérias, principal causa de infartos e acidentes vasculares cerebrais (AVCs ou derrames).

Além dos benefícios para o coração, habilidades importantes para o aumento da qualidade de vida também são estimuladas durante um jogo de futebol.

De acordo com o professor de Educação Física Felipe Monnerat, da Academia Body Tech, o equilíbrio, a elasticidade, a agilidade e a força são características trabalhadas constantemente nas partidas. O esporte é indicado para todas as idades, inclusive para os pequenos. Normalmente, segundo Monnerat, as crianças a partir dos 4 ou 5 anos já podem começar a atividade física, sempre com acompanhamento de um profissional.

Ele alerta que, mesmo sendo saudável, o futebol é um esporte de muito contato físico. É, preciso, portanto, levar em conta o risco de lesões, principalmente nos tendões e nos joelhos. Além disso, alerta Lachtermacher, os hipertensos, as pessoas que já tiveram infartos e os fumantes não podem abusar de atividades físicas, já que os sistemas respiratório e cardíaco precisam de cuidado redobrado.

Para quem pretende começar a jogar futebol, a dica do cardiologista é procurar um médico e fazer check-up. Depois, começar a atividade com calma. O ideal é praticar exercício cinco vezes na semana, 40 minutos por dia, aconselha o médico.

O publicitário Thiago Risi, 25 anos, é um exemplo de jovem que cuida da saúde através da prática do futebol, paixão que vem desde pequeno. “Jogo futebol e futevôlei com os amigos toda semana. Estou animado para Copa. Vou assistir à final no Maraca”, conta ele.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia