Juíza gata vai presa e pede tratamento especial

Magistrada foi flagrada dirigindo alcoolizada

Por bianca.lobianco

Juíza gata pediu tratamento especial ao ser levada para delegacia Reprodução Internet

Estados Unidos - Uma juíza do Texas, nos EUA, foi flagrada dirigindo embriagada e após ser abordada por agentes, pediu tratamento especial e implorou aos policiais por sua liberdade. Todo o escândalo foi provocado porque a magistrada estava com medo de manchar sua carreira. Ela teria afirmado aos policiais que eles arruinariam 25 anos de trabalho árduo.

A mulher estava em uma velocidade de 110 km/h em uma rodovia onde o máximo permitido era de 90 km/h. Após o flagra, ela se recusou a deixar os policiais colocarem as algemas e não quis fazer o teste do bafômetro. A beldade conseguiu sua liberdade após pagar uma fiança estimada em R$ 4 mil.




Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia