No Reino Unido, mãe é condenada por agredir o filho de 3 anos até a morte

Rosdeep Adekoya admitiu ter escondido o corpo em uma mala

Por karilayn.areias

Rio - A mãe de Mikaeel Kular, de 3 anos, foi condenada após admitir ter matado o filho e escondido o corpo em uma mala. O menino morreu dois dias depois de ser espancado por Rosdeep Adekoya em janeiro deste ano no apartamento da família em Edimburgo, no Reino Unido. A mulher foi sentenciada a 11 anos de cadeia.

O corpo do garoto foi colocado em uma mala abandonada atrás da casa de uma tia de Mikaeel, a 20 km de distância de Kirkcaldy, Fife. Rosdeep inicialmente disse à polícia que o filho havia desaparecido de sua casa, levando a mobilização por uma grande busca que durou dois dias. Ela foi acusada de homicídio, mas por ter admitido o crime, foi acusada por homicídio culposo. O Juiz Lord Glennie disse a mulher que o crime foi "cruel e imperdoável".

Rosdeep Adekoya foi acusada pelo assassino do filho Mikaeel Kular em janeiro deste anoReprodução Internet


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia