Brasileira grávida é assassinada a golpes de machadinha na Austrália

Homem de 34 anos, que seria um ex-companheiro da vítima, foi preso e acusado de ser o responsável pelo crime

Por victor.duarte

Brasileira morava há 20 anos fora do paísReprodução Facebook

Austrália - Uma brasileira grávida, identificada como Fabiana-Brock Palhares, de 35 anos, foi assassinada nesta segunda-feira, em Varsity Lakes, na Austrália. A mulher foi encontrada por autoridades com ferimentos na cabeça causados por um tipo de machadinha. Ela chegou a ser socorrida e levada a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

De acordo com Mariana Piñeiro, cunhada de Fabiana, ela morava há 20 anos fora do Brasil e alguém da família deve ir à Austrália para acompanhar o caso. Segundo informações de jornais australianos, a vítima estava nas primeiras semanas de gestação.

Um homem de 34 anos, ainda não identificado, foi preso através de uma busca na região, logo após a mulher ser socorrida. Ele seria um ex-companheiro de Fabiana e foi acusado de homicídio. O homem deve comparecer em juízo nesta terça-feira para ouvir as acusações.

O Itamaraty ainda não se pronunciou sobre o caso.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia