Mamografia aos 40 deverá ser ampliada

Câmara aprova maior oferta pelo SUS

Por bferreira

Rio - A Câmara dos Deputados aprovou projeto que amplia o acesso à mamografia na rede pública de saúde em todo o Brasil. A medida segue para o Senado e, se for aprovada, mulheres a partir dos 40 anos poderão fazer regularmente o exame pelo SUS. Atualmente, o Ministério da Saúde prioriza a faixa dos 50 aos 69 anos para o rastreamento do câncer de mama. A Secretaria Estadual de Saúde do Rio informou que já adota desde 2012 a inclusão das mulheres a partir dos 40 anos.

O novo Projeto de Decreto Legislativo é da deputada Carmen Zanotto (PPS-SC). Ele prevê a suspensão parcial da portaria do Ministério da Saúde, de 2013, atualmente em vigor. A ideia é que o ministério passe a custear os exames de rotina para mulheres mais novas em todo o país. “Se conseguirmos salvar uma mulher com o exame preventivo do câncer de mama, já podemos considerar um sucesso”, afirma Carmen.

Para mulheres com histórico familiar de câncer, a mamografia deve ser anual, a partir dos 35 anos. Todos os exames devem ser agendados pelo município onde a paciente mora, após pedido do médico.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia